Director do Hospital da Matala detido por tentativa do suborno

Marcolino Katchime Domingos Bongo, de 40 anos de idade, director administrativo do Hospital Municipal da Matala, na província da Huíla, foi detido na última Segunda-feira,19, por tentativa de suborno aos agentes do Serviço de Investigação Criminal

POR: João Katombela, na Huíla

O responsável da referida unidade hospitalar, Marcolino Katchime estava a ser investigado pelo seu envolvimento no desvio de avultadas somas de dinheiro daquela unidade sanitária. Segundo uma fonte junto do Serviço de Investigação Criminal, o responsável administrativo do Hospital Municipal da Matala é suspeito de ter participado no desvio da coisa pública e, no decurso das investigações feitas pelo SIC, terá oferecido a quantia de 1.100.000.000,00 (Um milhão e cem Mil Kwanzas) a um oficial do SIC, para que este arquivasse o processo.

Numa entrevista concedida em exclusivo a este Jornal, Moiesés Cambale Luís, o agente do SIC que recebeu a proposta milionária, explicou que o referido valor foi proposto quando o director estava a ser interrogado. Sem adiantar o valor do dinheiro que terá sido desviado do Hospital Municipal da Matala, o agente do SIC informou que o mesmo tinha sido destinado para a aquisição de material de uso corrente, como medicamentos diversos e combustível, bem como para o pagamento de alguns serviços de que o Hospital precisava.

Neste momento, o director administrativo encontra-se detido na cadeia do Comando Municipal da Matala, onde aguarda pela legalização da sua prisão junto do Ministério Público. Marcolino Katchime Domingos Bongo está a ser acusado de ter cometido crimes de peculato e tentativa de suborno ao agente de autoridade, bem como abuso de confiança.