Instituto Pedro Pires realiza 6º diálogo estratégico em Angola

O antigo Presidente de Cabo-Verde esteve na última semana em Luanda aonde, na qualidade de presidente do instituto com o seu nome, participou de encontros com fundações angolanas, com destaque para a Fundação Sagrada Esperança e a Fundação Eduardo dos Santos (FESA)

Ontem, Sexta-feira, 23, Pedro Pires participou de uma conferência na Academia BAI, aonde falou de “encontros com a experiência e sabedoria”, num encontro que serviu para partilha de experiências. O antigo Presidente de Cabo-Verde, que se encontra no país desde o dia 16 do corrente, falou para uma plateia restrita que reuniu membros da Fundação Tchiweka, professores universitários e outras individualidades.

No encontro, respondeu a diferentes questões relacionadas com história de África, política e chegou mesmo a sugerir algumas ferramentas que podem servir de ideologias motivacionais para os jovens que pretendam tornar-se bons líderes: nomeadamente, patriotismo, auto- estima, orgulho nacional e aposta na educação.

De acordo com o que OPAIS apurou, em Maio, Pedro Pires estará de regresso a Luanda, por conta de um convénio entre o Instituto Pedro Pires e a Academia BAI, para no dia 16 apresentar em Luanda o “6º Diálogo Estratégico” da organização cujo tema não foi avançado. Pedro Pires foi primeiro-ministro de Cabo-Verde durante 15 anos e presidente durante 10. Foi vencedor do prémio “Mo Ibrahim Foundation” para boa governação em 2011.