Governo reforça medidas de prevenção contra vírus de Ébola no Leste da RD Congo

Medidas de prevenção contra o vírus Ébola foram reforçadas neste fim-de-semana em Goma, a capital de Kivu-Norte (leste), contra a epidemia do vírus de Ébola, declarou Domingo o directorgeral da resposta a esta patologia, Barthe Ndjoloko.

As mesmas diligências foram tomadas no fim-de-semana durante uma reunião entre o governador da província de Kivu- Norte, Julien Paluku, e uma equipa de coordenação da luta contra a epidemia de Ébola, segundo o responsável. “Há a necessidade de reforçar os mecanismos de controlo em Goma, sede da província de Kivu- Norte, tendo em conta a aproximação geográfica desta cidade com a de Butembo, bem como a localidade de Lubero, onde a doença foi declarada”, sublinhou.

Para Barthe Ndjoloko, é mais do que urgente que se faça o balanço das medidas de prevenção tomadas até ao momento com vista a revigorá-las. “A epidemia não está muito longe daqui. As pessoas deixam Butembo para Lubero, Janyabayonga e Goma”, revelou o responsável médico, achando importante fazer- se um balanço sobre os preparativos das medidas de prevenção para proteger a cidade de Goma.

Foi decidido, durante o encontro supracitado, revigorar equipas enviadas a Goma e mobilizar cada vez mais autoridades da província, parceiros e responsáveis do Ministério da Saúde que trabalham em colaboração com a Inspecção Provincial deste sector. Disposições foram também tomadas para se aumentar o nível de alerta, indicou Barthe Ndjoloko que considera este método como um pilar da comunicação na cidade de Goma. “Vamos mobilizar tudo o que existe como meio para atingirmos as populações através dos mídia e dos canais de comunicação, incluindo a imprensa”, disse.