Carta do leitor: Ou pagamos duas vezes, ou nada temos

Caro director, Moro na zona do Camama, condomínio BPC . Aí a situação não é boa, nem as de segurança, nem a da prestação de serviços pelo Estado. Nós já pagamos as casas, os impostos e todas as taxas, além das contas da água e da luz, mesmo assim não basta.

POR: Jorge António

Muitos tivemos de fazer obras nas nossas casas para podermos entrar, depois, pagamos a ligação eléctrica e a canalização da água. Depois vieram os vândalos e estragaram tudo. Agora temos de pagar outra vez a luz dos postes, mesmo pagando já os nossos impostos. Então, quando vamos fazer as contas, vemos que em pouco tempo estamos a pagar o valor de duas casas. Afinal o Estado serve para quê, se até para termos segurança cada um tem um guarda à porta? Curioso é que parece que querem obrigar a Polícia a isso também. A nossa esquadra de Polícia não tem luz eléctrica da rede, não sei se tem água da rede pública. Assim também já estão a brincar com o cidadão. Não se entende. Porquê que o nosso Estado não é pessoa de bem? Só ouvimos discursos, mas a situação do dia-a-dia que vivemos é diferente. Não podemos dispensar nem os geradores, nem os tanques de água. Nem os seguranças. Tudo aquilo que dizem que deveria ser assegurado pelos impostos que pagamos. Algumas vezes o nosso país é uma desilusão.