‘A comunicação social pública angolana está no kafrique’

Jornalista, escritor e antigo funcionário do Ministério da Comunicação Social, Felisberto Manuel da Costa, conhecido nas lides literárias como Kajim Ban-Gala, analisa os meandros do sector na era lourencista, não vê com bons olhos algumas das abordagens que vão sendo feitas pela imprensa e os caminhos que se trilham no país. “Estamos aí neste impasse que é uma meia-democracia ou uma meia-ditadura”, disse. Entrevista a não perder na edição desta Sexta-feira, já com a versão em papel.

error: Content is protected !!