1º de Agosto não passa em Calulo

O clube das Forças Armadas Angolanas empatou ontem sem golos com o Recreativo do Libolo do Cuanza-Sul, no prosseguimento da 7ª jornada do Girabola Zap, em Calulo, mas mantém-se na liderança

O 1º de Agosto, ao empatar ontem sem golos com o Recreativo do Libolo do Cuanza- Sul, regressou a Luanda com 15 pontos na bagagem. Apesar do nulo fora de casa referente à 7ª jornada do Girabola Zap, o campeão nacional mantém-se na liderança da maior festa do desporto rei em solo angolano.

No Estádio da Vila de Calulo, os militares tiveram muitas dificuldades para se imporem diante dos libolenses. Os donos de casa, com a lição estudada, fecharam às linhas de passe do clube das Forças Armadas Angolanas. Assim, circulavam melhor a bola no seu meio campo, mas pecavam na finalização, uma vez que a defesa militar estava à altura. Aliás, o guarda-redes do 1º de Agosto, Tony Cabaça, fez várias vezes o papel dos defesas na vila de Calulo. O ruído dos adeptos libolenses, nas bancadas, não atrapalhou o atleta militar nos postes no tapete verde da vila de Calulo.

Antes de o árbitro mandar todo o mundo para os balneários, anulou por três vezes remates com selo de golo do avançado Jaré. No reatamento da partida, a equipa do Cuanza-Sul continuou a mandar no jogo até aos 70 minutos. Para equilibrar a partida, a equipa técnica do 1º de Agosto fez algumas alterações na equipa, facto que obrigou os libolenses a baixarem as suas linhas defensivas. Com um futebol mais balançado para o ataque, os militares conseguiram empurrar o adversário à sua defesa, mas também pecavam na finalização. Com este nulo, os militares voltam a não vencer o adversário na vila de Calulo, coisa que só aconteceu duas vezes.