docente da UAn integra júri de doutoramento na Universidade nova de lisboa

O Decano da Faculdade de Letras e docente da Universidade Agostinho Neto, Alexandre Chicuna, integrou, a 18 de Dezembro, o corpo de jurado, que arguiu na sessão de defesa da tese de Doutoramento em Linguística, subordinada ao tema “A Neologia do Português em Angola – A Inovação do Lexical do Português na Zona Umbundo”, do cidadão angolano, José Cambuta, na Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

O tema objectivou reflectir sobre a neologia aplicada e didáctica no contexto do português de angola. Neste ponto, contribuir para uma reflexão que chegue a uma proposta de modelo teórico do processo de ensino- aprendizagem da neologia e que estimule a reflexão sobre a didáctica da neologia do português naquele contexto.

Para a execução da tese de Doutoramento, o procedimento metodológico baseou-se, depois da definição do tema, na definição dos instrumentos e das ferramentas de trabalho. uma vez que vez que o trabalho era sobre neologia do português na Zona Lexical umbundo e do seu ensino nos estabelecimentos escolares de angola, foram constituídos dois “corpora textuais” de língua corrente.

O primeiro composto por textos jornalísticos, textos literários (extractos com características de língua corrente). o segundo é composto por textos didácticos, sendo este último utilizado para análise da didáctica da neologia.

A utilização da “corpora” exigiu o uso de ferramentas de trabalho, os softweres, hipertextos de processamento semiautomáticos, nomeadamente, hyperbase, o antconc e o concap. integraram a mesa júri os professores, nomeadamente, rute Costa (presidente do Júri), da universidade Nova de Lisboa, ieda Maria alves, da universidade de São paulo, isabel Maria Desmet, de França, alexandre Chicuna, da universidade agostinho Neto, Elis Cardoso, da universidade Nova de Lisboa, Cristine Dechampus, da universidade Nova de Lisboa, e Teresa da Fonseca Lino (orientadora), da universidade Nova de Lisboa. o autor do estudo, “a Neologia do português em angola – a inovação do Lexical do português na Zona umbundo”, o recém-Doutorado, José Cambuta, é cidadão angolano, padre e Director Geral do instituto Superior Católico do Huambo.

error: Content is protected !!