Battisti chega a Roma para cumprir pena após 37 anos foragido

O fugitivo italiano, de 64 anos de idade, integrou o grupo Proletários Armados pelo Comunismo e foi condenado à prisão perpétua em 1993 por cometer quatro homicídios nos anos 70, entretanto, esteve foragido durante 37 anos. Cesare Battisti refugiou-se no Brasil, mas posteriormente teve a sua extradição autorizada.

Entretanto, fugiu para a Bolívia, onde foi preso no último Sábado (12) por agentes da Interpol. Além do Brasil, ele também viveu no México, França e Bolívia. A detenção ocorreu na cidade de Santa Cruz de La Sierra, a maior cidade da Bolívia. A prisão ocorreu graças à acção dos agentes de intelligêntcia, que utilizaram um dos dispositivos móveis do fugitivo. Após a sua captura, a Itália enviou um avião militar para transportar Battisti de volta à Itália pela primeira vez desde 1981.

A aeronave com o italiano Cesare Battisti chegou ao aeroporto de Ciampino, em Roma, na Itália, nesta Segunda-feira (14) às 08h40 locais. Durante o desembarque, ele não estava algemado e era escoltado por policiais, além de atiradores de elite que também estavam a vigiar o local. No aeroporto, Battisti mostrou- se tranquilo e foi recebido pelo ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, que ordenou a sua transferência imediata para a principal penitenciária da capital italiana, Rebibbia.

error: Content is protected !!