Antigo director do INEA em prisão preventiva

Joaquim Sebastião, antigo director geral do INEA,

O antigo director do Instituto de Nacional de Estradas de Angola (INEA), Joaquim Sebastião, está em prisão preventiva, depois de ser ouvido ontem pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), em Luanda, segundo a Rádio Nacional de Angola, no jornal das 13:00 (hoje).

O antigo responsável foi submetido há várias de interrogatório e posteriormente viu legalizada a sua detenção pelo Ministério Público, porém é suspeito da prática de crimes de peculato. Para além de Joaquim Sebastião, outros funcionários do Instituto Nacional de Estradas de Angola também estão a ser ouvidos no mesmo processo que corre os seus trâmites legais.

Afastado do cargo no início de Dezembro de 2010 pelo então ministro da Construção e Urbanismo, Fernando Alberto de Lemos da Fonseca, Joaquim Sebastião foi na Quarta-feira surpreendido na sua residência, em Talatona, por um grupo de mais de 10 elementos do SIC com um mandado de apreensão e busca.

error: Content is protected !!