Mais um angolano com doutoramento

O linguista Mateus Segunda Chicumba defendeu esta Terça-feira a sua tese de doutoramento em Linguística Aplicada, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, capital portuguesa

A tese intitula-se “A educação bilingue e o lugar das línguas nacionais em Angola” e foi orientada pela linguista Inocência da Mata, docente da Universidade de Lisboa. O júri foi integrado por sete investigadores, nos quais constaram três angolanos, nomeadamente o sociólogo Paulo de Carvalho (da Universidade Agostinho Neto), o pedagogo Filipe Zau (da Universidade Independente de Angola) e o linguista Luís Kandjimbo (do IMETRO).

A tese aborda o sistema de educação em Angola, as reformas educativas e o ensino em línguas nacionais. Trata-se de uma abordagem do quadro da Linguística Africana Comparada, que mereceu do júri a classificação de “aprovado com distinção, por unanimidade”. Com esta qualificação, o agora Doutor Mateus Segunda Chicumba, que usufruiu de uma bolsa do Instituto Nacional de Petróleos de Angola, entra nas contas dos poucos angolanos doutorados em linguística.

error: Content is protected !!