Sonangol apresenta hoje balanço do ano económico 2018

A Sonagol e.P. aborda hoje, Segunda-feira, 25, vários assuntos ligados à empresa, numa altura em que a petrolífera estatal está num processo de restruturação que vai encerrar e fundir empresas

A Sonangol, uma das maiores empresas do país, vai apresentar hoje os resultados do exercício do ano económico 2018, na sua sede em Luanda. Contactada por este jornal, fonte da petrolífera garantiu que o Conselho de Administração liderado por Carlos Saturnino vai fazer uma abordagem sobre os avanços que a empresa registou no âmbito do processo de saneamento, cujo objectivo final é tornar a sua estrutura menos pesada, adequando a mesma à estratégia económica do Executivo.

“Será uma conferência de imprensa onde em abordagem estará o exercício passado, bem como o processo de restruturação em curso”, assegurou. A Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) passa por um período de restruturação profunda de algum tempo para cá. Neste âmbito, a petrolífera deixou de ser concessionária, passando a ser simplesmente uma empresa de pesquisa e produção de hidrocarbonetos, dentro e fora do país. É por essa razão que foi criada pelo Estado a Agência Nacional de Petróleo e Gás, cujo Conselho de Administração foi nomeado e empossado este mês, pelo Presidente da República, João Lourenço.

A reestruturação

A Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola – Sonangol E.P. fez o lançamento oficial do Programa de Regeneração aprovado pelo Presidente da República, João Lourenço, a 26/09/18. A implementação do Programa de Regeneração coloca o foco nas principais actividades da empresa estatal nomeadamente, prospecção, pesquisa e produção de petróleo bruto e gás natural, refinação, liquefação de gás natural, transporte, armazenagem, distribuição e comercialização de produtos derivados. De acordo com o Presidente do Conselho de Administração da Sonangol E.P., Carlos Saturnino, o Programa de Regeneração é um projecto estruturante que irá preparar a Sonangol para o futuro, reforçando o papel do Grupo no Continente Africano, observando os padrões internacionais “O programa de regeneração foi concebido e elaborado pelo grupo Sonangol e tem como pilares todo o trabalho de reflexão, identificação e levantamento completo pelo grupo durante 11 meses”, explica. Dividido em três fases, o programa de regeneração começou com a Fase 0, que consiste na preparação do arranque do programa, enquanto a fase 1 estará focada na implementação de acções com resultados a curto prazo e definição do roteiro de melhorias operacionais e de medidas estruturantes; por último a Fase 2 vai tratar da implementação do roteiro de melhorias operacionais e de medidas Estruturantes.

error: Content is protected !!