Direcção da APROCIMA concorre à sua própria sucessão

A Associação de Cinema e Audiovisual (APROCIMA) realiza Sábado, 9, na União dos Escritores Angolanos (UEA), as eleições para os novos corpos sociais

O acto arranca às 9 horas e vai eleger os membros da assembleia-geral, corpo directivo e conselho fiscal. Em conserva com OPAÍS, o presidente da comissão eleitoral, Ventura de Azevedo, avançou que durante os 45 dias que serviram para as devidas candidaturas, receberam apenas uma lista, proveniente da anterior direcção. “Em função disso não houve a necessidade de fazer-se muitos alaridos, pelo facto da direcção anterior estar a concorrer para a sua reeleição”, apontou. Concorrem para a presidência da assembleia geral, corpo directivo e conselho fiscal Rui Garção, Óscar Gil e Miguel Castelo, respectivamente. A APROCIMA possui mais de 100 membros. Para a devida votação, os mesmos devem antes efectuar o pagamento das quotas referentes aos meses de Janeiro e Fevereiro.

Candidaturas

Quanto à não adesão às candidaturas por parte dos membros, o também realizador e guionista de cinema e televisão realçou que o facto deve-se à letargia ’total’ que o cinema vive actualmente. Ventura de Azevedo disse ainda que o facto de não existirem políticas que catapultem o cinema no país, assim como concorrência no mercado sobre aquilo que se pretende vender, torna o trabalho mais pobre.“Sabemos que o cinema movimenta grandes meios, precisa de apoios, de um mecenato que funcione, que catapulte os trabalhos dos profissionais de cinema”, observou.

A APROCIMA

Fundada a 16 de Agosto de 2014, a APROCIMA é uma associação aversa à política, sem fins lucrativos, que goza de personalidade jurídica e autonomia administrativa. Tem como fim social o desenvolvimento e a promoção da arte cinematográfica, teledramaturgia e audiovisual angolana. De acordo com os Estatutos, entre outras acções, deve congregar e defender os interesses artísticos e técnicos dos profissionais do cinema e audiovisual, assim como promover a formação profissional dos seus associados e da sociedade em geral voltada ao cinema e audiovisual. A presente associação presta ainda assessoria institucional às produções nacionais e estrangeiras realizadas, principalmente, em território nacional. E desenvolve projectos e acções que visem resolver ou atenuar os numerosos constrangimentos e dificuldades que prejudiquem o desenvolvimento harmonioso do cinema nacional.

error: Content is protected !!