1º de Agosto no Uíge para manter a diferença pontual

O clube das Forças Armadas joga hoje com o Santa Rita de Cássia do Uíge, no Estádio 4 de Janeiro, no prosseguimento da 19ª ronda do Girabola Zap, se vencer chega aos 41 pontos

O 1º de Agosto, líder do Girabola Zap com 38 pontos, está hoje na cidade do Uíge para manter a diferença pontual em relação ao Petro de Luanda, rival de longa data, e segundo com 34 pontos. Nas Terras do café, o clube das Forças Armadas Angolanas vai medir forças com o Santa Rita de Cássia, no prosseguimento da 19ª ronda, às 15:30. Depois de sacudir o ASA por 4-0 na jornada anterior, a equipa de Luanda quer fazer o mesmo aos católicos que ocupam a décima segunda posição com 18 pontos.

Tudo indica que o técnico Dragan não vai mexer na equipa que vergou os aviadores no tapete verde do 11 de Novembro. Por isso, nesta Segunda-feira, corrigiu no campo do ex RI-20 os erros passados e esboçou o sistema táctico para o desafio desta tarde. O avançado Ary Papel, por estar em baixo de forma, tem estado no banco, hoje o treinador não fugirá à regra. Desde que chegou de Portugal, o atleta do clube militar ainda não mexeu com a claque liderada por Cowboy. Assim, o avançado Mongo, que na ronda anterior marcou dois golos, fará parte da estratégia montada por Dragan Jovic.

O jogador está confiante, sendo que promete bater a defesa do Santa Rita de Cássia que na Segunda- feira também corrigiu alguns aspectos defensivos e ofensivos. Em casa, os católicos querem surpreender os militares, mas são obrigados a dar o litro a dobrar, porque a formação de Luanda tem um plantel superior. No Moxico, frente ao Bravos do Maquis, o Santa de Rita de Cássia perdeu por 3-2, logo é obrigado a fazer um resultado que lhe permita fugir da décima segunda posição.