Desportivo da Huíla bate ASA em Luanda

Depois de vencerem, por 3-1, ontem, os aviadores no Etádio dos Coqueiros, os militares da Região Sul mantêm-se na terceira posição agora com 35 pontos, menos cinco que o Petro de Luanda, segundo da prova

O Atlético Sport Aviação (ASA) perdeu, por 3-1, ontem frente ao Desportivo da Huíla, em partida de encerramento da 21ª jornada do Girabola Zap. Com esta derrota caseira, os aviadores mantêm-se na penúltima posição da tabela classificativa com 18 pontos. Por sua vez, os militares da Região Sul consolidam o terceiro lugar agora com 35, menos cinco que o seu segundo classificado, Petro de Luanda.

Na cidade portuária do Lobito, a Académica local perdeu, por uma bola sem resposta, diante do Kabuscorp do Palanca no Estádio do Buraco. O único golo da partida foi apontado por Amaro na marcação de um penalti. No final do desafio, o treinador dos palanquinos, Paulo Torres, dedicou a conquista dos três pontos ao presidente do clube, Bento Kangamba. Nas hostes dos estudantes, ninguém aceitou falar à imprensa, porque estavam descontentes com a actuação do trio de arbitragem.

error: Content is protected !!