Fábrica de transformação de madeira avaliada em 4 mil milhões de kwanzas

Uma fábrica de transformação de madeiras foi inaugurada Quinta-feira na localidade do Kinguila, município de Malanje, visando servir o mercado local e estimular a produção do sector madeireiro na província.

A unidade ocupa uma área fabril de 8 hectares e é até ao momento a única da cidade de Malanje. O Investimento de iniciativa privada, foi inaugurado pela ministra da Indústria, Bernarda Martins e o ministro da Agricultura e Florestas, Marcos Nhunga, está orçado em 4 mil milhões de kwanzas, e garante 130 postos directos de trabalho e 310 indirectos.

Na ocasião, o governador de Malanje, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa”, disse que o surgimento dessa indústria, pela sua imponência, vem demonstrar o potencial da província nesse domínio e constitui uma amostra das potencialidades da região no sector madeireiro.

Já o ministro da Agricultura e Desenvolvimento Florestal, Marcos Nhunga, considerou tratar-se de um investimento que vem contribuir no crescimento do sector público-privado, que deve servir de modelo para outros investidores, já que demonstra aquilo que o Executivo tem defendido relativamente à exploração da cadeia da madeira no país. “Julgamos que isso deverá ser seguido pelos empresários do país e desta forma estaríamos a acabar com a exportação de madeiras em toros ou blocos”, frisou, apelando as associações dos madeireiros locais e nacionais, de forma a incentivarem os seus membros a seguirem essa experiência e expandir os seus negócios nessa vertente em todas as províncias.

Enquanto isso, a ministra da Indústria, Bernarda Martins enalteceu o nível de investimento, lamentado a falta de água e energia eléctrica para fazer funcionar a fábrica, tendo sido a própria empresa a investir para ter esses serviços. “O Estado deu espaço, mas não teve ainda condições de trazer o que é necessário para investimentos, como a energia e água, nem infra-estruturas, mas esta empresa, com o seu esforço, foi capaz de ir buscar energia e água, o que consideramos que essa indústria será uma alavanca e uma âncora para o surgimento de outras indústrias”, salientou.

error: Content is protected !!