Mais mulheres no comando de negócios precisa-se

Segundo a professora universitária e especialista em matéria de gestão e liderança Maria Madalena Neto, muitos obstáculos precisam de ser enfrentados para que se aumente a percentagem de mulheres no comando de negócios, ainda é bastante ínfima

Com o objectivo de capacitar os jovens a criar e a liderar melhor os seus próprios negócios, a Million Dollar Business (MDB) realizou, no último final de semana, no Hotel Skyna, em Luanda, uma Conferência Internacional de Liderança e Negócios, que reuniu vários especialistas em matéria de gestão e liderança. A professora universitária e especialista em matéria de gestão e liderança Maria Madalena Neto, que dissertou sobre o tema “A Mulher e a Liderança, Desafios e Obstáculos”, diz que a liderança feminina tem vindo a crescer e as mulheres a ganhar cada vez mais espaço no mercado de trabalho, mas precisa-se de mais.

A percentagem de mulheres no comando de negócios é ínfima, numa altura em que se precisa de mais mulheres para os desafios a enfrentar e obstáculos a ultrapassar. “Hoje, em Angola, a mulher já começa a estar significativamente representada nos seguintes domínios: Governo, com ministras e secretárias de Estado, e na Saúde, com médicas, enfermeiras, técnicas administrativas e auxiliares. Já no meio empresarial, temos na moda, sobretudo”, referenciou.

Factores para a conquista da liderança feminina

Para Maria Madalena Neto, alguns factores na base da conquista da liderança feminina são o aumento da escolaridade da mulher, adiamento da maternidade, auto-controlo da natalidade, aumento de suportes sociais que facilitem a ascensão da mulher, o equilíbrio entre a vida familiar e profissional, alívio das actividades domésticas, as novas tecnologias, legislação mais igualitária, entre outros. “A habilidade da liderança feminina é reconhecida pela capacidade técnica e de gestão, já que a mulher vence os obstáculos profissionais conciliando-os com a sua trajectória familiar (casa, esposo e filhos).

Busca a valorização e a igualdade dos direitos com os homens e destaca-se no sector cooperativista”, disse. Características da mulher líder A especialista diz ainda que as mulheres líderes apresentam características como: boas ouvintes e atentas aos pormenores; mais saciáveis; mais actualizadas; conseguem realizar mais tarefas em simultâneo; mais eficientes em grupos de trabalho, etc. A empatia, numa mulher gestora, bem como o melhor desempenho financeiro de organizações, boa interação e colaboração, menos imediatismo e mais capacidade de raciocinar a longo prazo, são aspectos tidos em conta.

‘Ninguém fica rico só com o salário’

Por sua vez, o conferencista internacional e consultóri de negócios Aurélio Pombo, que falou sobre “Como criar um Negócio”, defende que ninguém fica rico só com o salário, o que enriquece é o lucro. “Por isso, temos em Angola generais de quatro a cinco estrelas com fazendas”. “Eles não sobrevivem do salário, porque o salário não lhes dá riqueza, o que enriquece é o lucro. Por isso é que nós, duma maneira ou doutra, tendo salário, precisamos de criar fontes alternativas de rendimento”, disse. Explicou ainda que o mundo está a evoluir de tal maneira que já não dá para fazer negócios de forma informal, “em que o fiscal já não te chateia”. Por essa razão, é necessário lutar pela legalização seu negócio. A seguir, é importante ter ideia inovadora, ou seja, fazer algo diferente. Definir o local de negócio e o grupo alvo, criar um plano de negócio e um plano financeiro, criar um plano de marketing, tudo isso é crucial para o sucesso do investimento.

error: Content is protected !!