Petro não desarma na corrida ao título do Girabola Zap

Os tricolores venceram ontem, o Recreativo do Libolo, por 2-1, e encurtaram para três a desvantagem pontual ante o 1º de Agosto, líder com 48 pontos

O Petro de Luanda encurtou para três pontos a desvantagem pontual ante o líder 1º de Agosto, após vencer ontem o Recreativo do Libolo, por 2-1, em partida de acerto de calendário da 16ª jornada do Girabola Zap. Os golos dos tricolores foram apontados por Tiago Azulão e Karanga, ao passo que Avelino, defesa-central dos visitantes com qualidade apurada, foi o marcador dos libolenses. Com este resultado, a equipa do Catetão, com um jogo em atraso, mantém-se na segunda posição agora com 45 pontos.

Deste modo, os tricolores às ordens de Toni Cosano mantêm o acesso ao sonho de resgatar o título perdido em 2010. Por sua vez, o representante da província do Cuanza-Sul continua na quinta posição com 31 pontos. Em declarações à imprensa, no final da partida disputada, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, o técnico do Recreativo do Libolo, André Macanga, reconheceu que o Petro de Luanda foi superior, porque conseguiu dar a volta ao resultado.

Para Toni Cosano, os seus jogadores foram ‘guerreiros’, pois conseguiram dar a ‘cambalhota’ no resultado num momento em que a equipa estava a atravessar uma fase difícil. Na próxima jornada, o clube do Eixo-Viário mede forças com o Kabuscorp do Palanca. O Recreativo do Libolo do Cuanza-Sul recebe na vila de Calulo o Interclube.

error: Content is protected !!