1º de Agosto isola-se na liderança

Os militares venceram ontem por 2-0 o Saurimo FC da Lunda-Sul. Com esta vitória, a equipa central das Forças Armadas Angolanas isolou-se na liderança do Girabola Zap com 51 pontos, mais três que o segundo, Petro de Luanda, que tem menos um jogo

Dagó e Mabululu, aos 33 e 43 minutos, garantiram ontem no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, a vitória do 1º de Agosto frente ao Saurimo FC , em jogo de encerramento da 24ª jornada do Girabola Zap, Campeonato Nacional. Com esta vitória, a equipa militar isolou-se na liderança da competição agora com 51 pontos, mais três que o segundo Petro de Luanda que tem menos um jogo.

Por sua vez, o representante da província da Lunda-Sul permanece na lanterna vermelha, ou seja, na última posição com os mesmos 15 pontos. No primeiro quarto de hora, os pupilos de Dione Pedro com uma atitude digna de realçe conseguiram causar alguns calafrios aos anfitriões.

Deste modo, o conjunto da Lunda- Sul até parecia que tinha esquecido os salários em atraso, porque jogava determinado a conquistar um ponto em Luanda. Mas, a experiência e a qualidade de Ary Papel e companheiros falou mais alto, tendo conseguido dois tentos que geriram até aos noventa minutos regulamentares.

No final do desafio, o treinadoradjunto dos militares, Ivo Traça, disse que foi uma boa vitória, porque na Quarta-feira a equipa parte para Cabinda um palco muito difícil de ultrapassar com êxito.

Nas hostes do Saurimo FC, o técnico Dione Pedro, garantiu que a sua equipa continuará a trabalhar para fugir da zona de despromoção.

Maquisardes vencem Leões do Norte

Ontem, o Bravos do Maquis do Moxico venceu, por duas bolas sem resposta, o Sporting de Cabinda no Estádio Mundunduleno, em jogo de prosseguimento da 24ª jornada do Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão.

Esta vitória, coloca os maquisardes na nona posição agora com 31 pontos, ao passo que o representante de Cabinda mantém- se na décima primeira posição com 24. Reagindo à imprensa perante o resultado negativo, o treinador da equipa visitante, Mena Kuasambi, lamentou actuação do trio de arbitragem.

“Houve lances em que o árbitro beneficiou o Bravos do Maquis”, apontou. Na próxima ronda, o Bravos do Maquis visita o Recreativo da Caála. Já o Sporting de Cabinda recebe o 1º de Agosto, tri-campeão nacional.