Editorial: Afunilamento diplomado

Angola multiplicou o número de universidades e de institutos superiores nos últimos anos, espalhando-os por praticamente todas as províncias, entretanto, há apenas uma instituição com pouca gente e com poucos meios, cuja missão é a certificação dos documentos de graduação dos cursos de licenciatura, mestrado e doutoramento. Todo o país se afunila numa entidade estrutural e funcionalmente fraca sediada em Luanda. Por muita vontade que tenham os seus funcionários, naturalmente que a ineficiência passa a ser a sua imagem. Mas o caso do INAREES é mais um dos muitos exemplos de como se trava um país e de como se deixa os neurónios de molho e se lhes nega a missão de pensar em soluções, que nem precisam de ser milagrosas.

error: Content is protected !!