SIC desmantela rede de prostituição

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) de Luanda desmantelou um grupo integrado por cinco pessoas, sendo quatro vietnamitas e um chinês, que captava mulheres asiáticas para a prostituição na capital do país Entre os detidos estão duas mulheres com idades compreendidas entre os 22 e os 44 anos de idade que actuavam na zona do Zango zero, município de Viana, em Luanda.

Os integrantes da rede aliciavam as vítimas, a partir dos seus países, com promessas de empregos em Angola. Na ânsia de realizar um sonho, uma vez em Angola, as senhoras eram cativas numa hospedaria de um cidadão chinês e obrigadas à prostituir-se com pessoas das referidas nacionalidades para o enriquecimento dos mesmos, de acordo com o director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do SIC, Superintendente Fernando Coelho de Carvalho.

O polícia, que fazia a apresentação do trabalho operativo, explicou que o cidadão de nacionalidade chinesa que mantinha o controlo das “captadas” se encontra em fuga. O superintendente disse que no período de 18 de Abril a 7 de Maio foram também detidos seis cidadãos angolanos, integrantes de grupos diferentes, envolvidos no caso de homicídio de dois cidadãos de nacionalidade portuguesa ocorridos em Abril último nas zonas do Benfica, município de Talatona e Zango três, Viana.

No período em referência, o Serviço de Investigação Criminal prendeu ainda três cidadãos acusados de matar uma criança de sete anos por espancamento, estando envolvidos no crime o pai da vítima, o irmão e a madrasta. O SIC, no âmbito do combate à criminalidade, deteve ainda cinco cidadãos acusados do roubo de um cofre contendo 15 milhões de Kwanzas, sendo ainda os autores confessos do roubo qualificado de outros 7 milhões de Kwanzas na zona do Zango três. No período em análise foram apreendidas 32 armas de fogo, sendo 18AKM e 14 pistolas, 30 munições e dez viaturas. Durante o acto de apresentação do trabalho operativo do SIC foram devolvidas aos seus proprietários duas viaturas recuperadas.

error: Content is protected !!