1º de Agosto pode conquistar hoje o tetra

os militares são obrigados a vencer esta tarde às 15:00 o Cuando Cubango FC, no Estádio dos Eucaplitos, no Bié, para se sagrarem campeões pela quarta vez consecutiva. Para tal, o melhor será esquecer que o Petro empate ou perca frente à Académica do Lobito, em Luanda

Com o pensamento no quarto título consecutivo, o 1º de Agosto visita hoje, às 15:00, o Cuando Cubango FC no Estádio dos Eucaplitos, na província do Bié, em jogo referente à 29ª jornada e penúltima do Girabola Zap. Para chegar ao tão desejado tetra, a equipa central das Forças Armadas Angolanas, líder com 61 pontos, mais um que o segundo, é obrigada a vencer, senão, esperar que o Petro de Luanda empate ou perca frente à Académica do Lobito no Estádio 11 de Novembro.

Ainda assim, os comandados de Dragan Jovic terão de entrar em campo concentrados, esquecerem a vitória, por 1-0, diante do Cuando Cubango, para Taça de Angola, porque cada desafio tem a sua história. Para este embate, a margem de erro é pequeníssima, uma vez que o adversário está a lutar para não descer de divisão.

Deste modo, o representante das terras do “Progresso”, penúltimo colocado com 23 pontos, vai procurar tirar proveito do factor casa (emprestada) de modo a adiar a festa dos militares.

O treinador-adjunto da turma do RI-20, Ivo Traça, prometeu uma equipa combativa para garantir os três pontos, no reduto adversário e revelou que o seu conjunto trabalhou sempre com o pensamento na vitória. Esta tarde não será diferente. “Quem pensa ser vencedor do Campeonato Nacional da primeira divisão, tem de procurar ganhar

os jogos, com base na humildade e respeito pelos adversários”, disse Ivo Traça.

Petro proibido de errar

No Estádio 11 de Novembro, bairro da Camama, o Petro de Luanda está proibido de errar, ao receber hoje, às 15:00, a Académica do Lobito, sob pena de dizer adeus ao título, que já não vence há uma década. Apesar de estar a jogar em casa e perante os seus adeptos, os tricolores não terão uma tarefa facilitada, porque os lobitangas estão aflitos, sedentos de pontos como de pão para meter à boca.

Nas terras da “Paz”, o Bravos do Maquis FC do Moxico e Kabuscorp do Palanca medem forças. O Sagrada Esperança recebe o Interclube no Dundo, ao passo que o Recreativo da Caála defronta o Desportivo da Huíla, equipa sensação.

error: Content is protected !!