“É um play-off e tudo pode acontecer”

Depois de conseguir o 3-0, Sexta-feira, no Pavilhão Principal da Cidadela Desportiva, na final do play-off do Unitel-Basket frente ao 1º de Agosto, o treinador do Petro de Luanda, Lazare Adingono, disse que ainda não está ganho.

Lazare Adingono explicou que isto é um play -off e tudo pode acontecer, sendo imperioso que os jogadores e a massa associativa mantenham a calma.

Para resgatar o título perdido em 2016, o técnico camaronês ao serviço da formação petrolífera apelou aos seus pupilos para trabalharem arduamente na sessão de hoje de modo a conseguirem amanhã, Segunda-feira, o ceptro. Aliás, os três pontos na última vitória, por 74-71, revelam a qualidade dos jogadores do adversário.

Nas hostes do clube militar, o técnico angolano, Paulo Macedo, mostrou-se com esperança na revalidação do Campeonato Nacional. Para concretizar esta pretensão, Paulo Macedo pediu aos jogadores para não desperdiçarem muitos lances livres.

A formação do Rio Seco sabe que está amanhã proibida de perder sob o risco de ver o rival a erguer o troféu, razão pela qual estão a trabalhar com muita força. No Pavilhão Victorino Cunha, casa do 1º de Agosto, o Petro de Luanda venceu as duas partidas, por 84-89 e 65-77.

error: Content is protected !!