João Lourenço felicita “profissionais que dedicam as suas vidas às nossas

o Presidente da República mostra-se reconhecido pelo empenho dos enfermeiros angolanos, ao mesmo tempo que diz ser necessário trabalhar-se mais para uma melhor compensação, o que já se começou a fazer com a aprovaçãoo, nesta legislatura do nesta legislatura um novo regime de carreira que visa o reconhecimento e valorização da classe

Por ocasião do 12 de Maio, Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro, uma efeméride que hoje se comemora e que foi oficialmente estabelecida em 1974, por decisão do Conselho Internacional de Enfermeiros, o Presidente da república, João Lourenço, enviou uma mensagem aos enfermeiros angolanos.

“Hoje, a nossa atenção volta-se à este grupo de profissionais que dedicam as suas vidas às nossas vidas”, diz o Presidente da República. Mais adinte, Lourenço diz que saúda e felicita “todas as enfermeiras e enfermeiros angolanos que, com dedicação e sacrifício, prestam cuidados de saúde à nossa população e zelam pelo seu bem-estar”, contribuindo para salvar muitas vidas.

Na sua mensagem, o Presidente da República reconhece o empenho dos profissionais angolanos, quando afirma que os enfermeiros, “muitas vezes em condições difíceis, trocam noites de sono para salvar vidas. Trocam os dias de lazer para cuidar dos enfermos. Trocam o convívio com a família pelo bem-estar dos seus pacientes”.

Dito o reconhecimento, João Lourenço mostrou-se também atento às necessidades da classe, dizendo que “precisamos trabalhar para garantir que esse esforço abnegado seja efectivamente valorizado e compensado”.

Mas este esforço também já vais sendo feito, tendo a mensagem lembrado que “o Executivo (angolano) aprovou nesta legislatura um novo regime de carreira que visa o reconhecimento e valorização da classe”.

E os órgãos competentes do Estado, avança ainda o Presidente João Lourenço, devem “continuar a empenharem-se cada vez mais na melhoria das condições de vida e de trabalho dos nossos profissionais”.

Por fim, antes de dar um Viva ao Dia Internacional da Enfermagem e dos Enfermeiros, disse o Presidente, esperar, de igual modo, “que este data sirva também para se identificarem as novas perspectivas e desafios que se impõem à quem cuida da saúde de todos nós”.

error: Content is protected !!