Angola participa hoje na Assembleia Mundial da Saúde

Angola participa hoje na Assembleia Mundial da Saúde

O evento, que se realiza sob o lema “Cobertura de Saúde Universal: não deixando ninguém atrás”, passará, de igual modo, em revista, matérias ligadas à importância da saúde pública, estado actual do orçamento da Organização Mundial da Saúde, mobilização de fundos e adopção de projectos de Resoluções e Decisões saídas da 144ª sessão do Conselho Executivo da OMS.

Margarida Izata, representante permanente de Angola junto das Nações Unidas e outras Organizações Internacionais em Genebra, caracteriza o encontro de “extremamente importante”, aguardando que a presente sessão se realize num ambiente ameno, não obstante a preocupação com a epidemia do Ébola na República Democrática do Congo, bem como outras situações político-militares e sócio-económicas que afectam as regiões africanas e o Médio Oriente.

De acordo com o programa da 72ª Assembleia Mundial da Saúde, a ministra Sílvia Lutucuta procederá à sua alocução na plenária na próxima Terça-feira, dia 21 de Maio, e apresentará o quadro da situação geral da Saúde pública em Angola, refere em nota os Serviços de Imprensa da Representação Permanente de Angola junto das Nações Unidas e outras Organizações Internacionais em Genebra.

Neste particular, há igualmente a destacar a sessão magna da Assembleia da Organização Mundial da Saúde, consagrada à Erradicação da Poliomielite, em que Angola fará a sua intervenção em nome dos 47 Estados membros da região africana da OMS, para além de apresentar um projecto de declaração em nome da CPLP sobre o Acesso aos Medicamentos e Vacinas.

O encontro terá como convidado especial, Uhuru Kenyatta, Presidente do Quénia, e prevê ainda uma sessão de alto nível e atribuição de prêmios aos altos funcionários e técnicos da OMS que se destacaram no ano transacto no ramo da saúde.