Repatriamento para Kinshasa do corpo de Étienne Tshisekedi agendado para 30 de Maio

Repatriamento para Kinshasa do corpo de Étienne Tshisekedi agendado para 30 de Maio

Os restos mortais de Étienne Tshisekedi, um adversário histórico opositor político e pai do actual Presidente, devem ser repatriados para Kinshasa na Quinta-feira, 30 de Maio, segundo o seu irmão Gérard Mulumba.

A cerimónia de enterro, marcada para 1 de Junho, poderia reunir vários chefes de Estado estrangeiros. Mais de dois anos após a sua morte em Bruxelas, Étienne Tshisekedi deveria finalmente embarcar na sua última viagem.

O irmão do falecido, o arcebispo emérito de Mweka, Gérard Mulumba, disse à Jeune Afrique que a repatriação do seu corpo para Kinshasa seria feita “Quinta-feira, 30 de Maio”. Um avião deve ser fretado especialmente de Bruxelas, onde o corpo permanece em câmara fria.