Editorial: Basta sermos Angola

Angola poderá tornar-se num Dubai de África, em termos turísticos, nos próximos 10 anos, defendeu o presidente do Fórum Mundial do Turismo, Bulut Bagci falando ao jornal Mercado. aparentemente, esta visão comparativa é boa, animadora, mas pode ser, apesar de toda a sua bondade e contexto, muito má. angola precisa de ser apenas angola e fazer seu caminho. Há muito que este país sonha ser qualquer coisa que outros já são, há muito que o povo é galanteado com estas projecções futuristas e que se têm mostrado irrealizáveis. Basta-nos fazermos o que temos de fazer para sermos um país feliz e capaz de prover aos seus cidadãos níveis aceitáveis de vida. Isto passa por desenvolver a indústria do turismo também? Tanto melhor, mas para ser uma boa angola, que outros queiram conhecer.

error: Content is protected !!