Presidente da República visita Cuba este mês

O Presidente da República, João Lourenço, efectua a sua primeira visita oficial a República de Cuba, para consolidar os laços históricos e de cooperação existente entre os dois paises

O Presidente da República, João Lourenço, cumpre, de 30 de Junho a 1 de Julho, uma visita de trabalho à República de Cuba, onde, para além do encontro com o seu homólogo cubano, Miguel Díaz- Canel Bermúdez, prevê reunir-se com a comunidade angolana naquele país. A visita, a convite do Presidente cubano, servirá, dentre outros objectivos, para aprofundar as relações bilaterais e de irmandade que unem os dois países ao longo dos anos, bem como alargar as áreas de cooperação, sobretudo em matérias de segurança.

Com vista a preparar as condições desta que é a primeira visita oficial do Presidente Lourenço, o ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, esteve na semana passada, na capital cubana em Havana. Durante a sua permanência, o chefe da diplomacia angolana manteve encontro com o seu homólogo cubano, Bruno Rodrigues Parrilla, e com o ministro do Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro, Rodrigo Malmierca Diaz.

Entretanto, integrou a delegação encabeçada por Manuel Augusto a secretária de Estado das Finanças e Tesouro, Vera Daves, além de altos funcionários dos ministérios das Finanças e das Relações Exteriores. Angola e Cuba mantêm relações históricas. A cooperação entre os dois estados estende-se a vários domínios, como a educação, saúde, defesa, segurança, petróleos e indústria.

PR pede eficiência na cruzada contra a corrupção

O Chefe de Estado, João Lourenço, exortou neste sentido os responsáveis da Inspecção Geral da Administração do Estado, durante a tomada de posse de dois novos inspectores daquela instituição, nomeadamente Tomás Gabriel Neto Joaquim e Eduardo Semente Augusto. Na ocasião, o Presidente da República referiu que o novo paradigma de combate à corrupção, impôs a necessidade de uma Inspecção Geral da Administração do Estado mais activa, estando os resultados a ser verificados. Deste modo, João Lourenço pensa desencorajar os funcionários do Estado que recorrem a práticas menos boas para que possam melhor servir o público e a Nação.

“Com a vossa nomeação, esperamos que contribuam, com o vosso trabalho, tornando a instituição mais eficiente e, desta forma, alcançar os objectivos que procuramos”, conclui o Chefe de Estado angolano. Para o empossado Eduardo Semente Augusto, há ciência do trabalho que tem pela frente, na construção deste edifício do sistema de fiscalização interno, por via dos programas de transparência, quer na administração pública, quer para a administração cooporativa. O dois inspectores substituem nos cargos Maria Isabel Fernandes Tormenta dos Santos e Octávio Tombé Quimbila. Maria Isabel Fernandes Tormenta dos Santos tinha sido nomeada em Novembro de 2017 e Octávio Tombé Quimbila Capita em Abril de 2018.

error: Content is protected !!