Psicólogo mostra como educar os filhos sem bater

O psicólogo clínico Nvunda Tonet apresenta, hoje, em Luanda, a sua segunda obra literária “Educar os filhos sem bater”, um livro de 105 páginas que serve de guia para muitos pais no processo de educação dos filhos

Muitos pais vêem como sendo uma tarefa difícil a educação dos filhos. Qualquer falha cometida no processo de educação, principalmente na infância, pode comprometer o seu futuro e deste indivíduo, dir-se-á que lhe faltou a “educação de berço”, pode-se tornar num “problema social”. Bater ou não bater? Eis a questão. Uma questão que será respondida no livro em destaque, cuja apresentação oficial será feita a partir das 17h, desta Terça-feira, no espaço Jacaré Lounge, rua Mareantes, bairro Prenda, atrás do Posto de Identificação Civil e Criminal do Prenda. O autor, psicólogo Nvunda Tonet, fará a venda e sessão de autógrafo do “Educar os filhos sem bater”, que será apresentado pela psicóloga e docente universitária Júlia Santos.

Nvunda Tonet é psicólogo clínico, mestre em novas tecnologias aplicadas a educação, e num total de 105 páginas reuniu uma série de métodos educacionais para os pais, que os ajudará a educar sem que tenham de bater nos filhos. O autor defende a importância de as crianças sentirem que os pais se importam com os seus sentimentos, problemas e curiosidades. Os pais devem procurar estabelecer uma relação afectiva com os filhos, na medida em que estes dependem completamente de uma relação emocional equilibrada para um melhor desenvolvimento das suas competências emocionais.

Nvunda Tonet diz não ser sua pretensão transformar os leitores em pais permissivos, mas que sejam mais tolerantes, compreensivos e solidários com os problemas e alterações de comportamento, muito frequentes na infância e adolescência. Na óptica do autor, os filhos precisam de sentir que podem contar com os pais diante de uma dificuldade ou inquietação, mas alerta que tal só será possível se, ao longo dos anos, a relação parental se desenvolver com base no princípio do respeito, amor, compreensão e diálogo. Os filhos necessitam, igualmente, de abraços, compreensão e diálogo, invés de palmadas.

O livro editado pela editora Elivulu estava, na pré-venda, a ser comercializado a preço de 2000 Kz, mas a partir de hoje passa a custar 2.500 Kz. Nvunda Tonet é psicólogo clínico no Hospital Psiquiátrico de Luanda, para além de professor universitário. É membro do Conselho Científico da revista “Crioula”, publicação científica dos alunos de pós-graduação da Área de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Oficial Portuguesa da USP-Brasil e da revista “Ntentembwa”, do Instituto Superior Politécnico Tocoísta de Angola, bem como editor de cultura do jornal Folha 8.

leave a reply