Angola lança hoje pequeno satélite denominado “ Cansat”

O 10 pequenos satélites com um volume de lata de refrigerante de 330 mililitros, será lançado hoje, em Cabo Ledo à margem do Fórum de Exposição Internacional de Tecnologias de Informação “Angotic 2019” que decorre desde ontem em Luanda

O satélite foi desenvolvido pelo Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional (GGPEN) do Ministério das Telecomunicações e Tecnologias de Informação (MTTI), com o concurso do Departamento de Ciências Espaciais e Pesquisa Aplicada (DCEPA), numa cooperação da comunidade académica angolana. O Cansat será lançado a uma altitude máxima de 400 metros, com uma velocidade do vento não superior a 14 Km/h, a fi m de estimar uma posição precisa de recolha dos pequenos satélites mediante as coordenadas GPS para uma melhor comunicação com a estação terrena.

Em entrevista aOPAÍS, durante a abertura do Angotic, o técnico do gabinete de gestão do programa espacial, Aldair Gonçalves, disse que o “Cansat” é a representação de um satélite real num volume de lata de refrigerante de 330 mililitros, com capacidade de medir a temperatura, a pressão atmosférica e a medição do monóxido de carbono (gases constituídos por Oxigénio). Explicou ainda que o Cansat começou a ser desenvolvido desde o ano passado e é uma miniatura de um satélite que permite que os estudantes vivam uma experiência espacial. Ou seja, desenham um satélite e definem a respectiva missão do satélite, depois passam para a fase de construção que vai envolver a montagem dos circuitos e também os testes.

Como, por exemplo, o problema da poluição no país surge devido à concentração de dióxido de carbono, que não é medido, logo com base nos dados colhidos pelo satélite, o estudante recolhe os dados e faz a entrega ao Ministério do Ambiente. Depois do lançamento, o operador, com o seu computador, recolhe os dados e verifica se o satélite cumpriu a missão para a qual foi construído. Os testes experimentais realizados mostraram-se satisfatórios, demonstrando a viabilidade de se fazer o lançamento mediante uma aeronave (helicóptero). A comunicação traduziu-se na recepção de dados telemétricos vindos dos Cansats e envio de comandos a partir da estação terrena para os pequenos satélites.

error: Content is protected !!