Lubanguenses ganham mais serviços socias para melhorar a qualidade de vida

Lubanguenses ganham mais serviços socias para melhorar a qualidade de vida

POR: João Katombela, na Huíla

Entre os equipamentos sociais inaugurados pelo Presidente da República no quadro das actividades que João Lourenço realizou na cidade do Lubango de 24 a 25 do mês em curso, destacam-se escolas, hospitais e estradas. No sector da Saúde, foi inaugurado o primeiro Centro de Hemodialise do Hospital Central do Lubango, com uma capacidade de diária de atendimento de 75 pacientes com insuficiência renal das províncias do Namibe, Cunene e Cuando Cubango. Totalmente equipado, o novo Centro de Hemodialise que foi inaugurado pela ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, conta com 25 cadeiras e vai funcionar em três turnos.

Durante a cerimónia de inauguração presenciada pelo Presidente da República, os beneficiários dos serviços de hemodialise das províncias da Huíla e do Namibe, mostraram-se satisfeitos, tendo dito que as longas viagens para a província de Benguela ficaram para o passado. Afonso Ventura é funcionário do centro ortopédico da Huíla, padece de insuficiência renal há mais de um ano, e afirma que vai deixar de gastar muito dinheiro com a deslocação a Benguela. “Só temos de agradecer ao Governo por este gesto, percorríamos muitas distâncias e gastávamos dinheiro com viagens, com este centro tudo este problema fica para trás”, disse.

Mais salas de aulas

Durante os dois dias de trabalho na cidade do Lubango, o Presidente da República, inaugurou ainda 20 salas de aula no bairro dos Barracões, arredores da cidade do Lubango.A infraestrutura foi construída pela empresa OMATAPALO no âmbito da sua responsabilidade social, pelo facto de estar a executar as obras do projecto de requalificação das infraestruturas integradas da cidade. A escola vai albergar um total de 1400 alunos do ensino primário daquele bairro que antes estudavam em péssimas condições para a realização do processo de ensino- aprendizagem. Os alunos da referida escola, comprometeram-se a cuidar do equipamento para que possa servir igualmente as próximas gerações, tendo pedido ao chefe-de Estado um maior apoio para o sector.

Novas estradas tornam o trânsito mais fluido no Lubango

Num passado recente, as estradas da cidade do Lubango, encontravam- se em péssimas condições com a existência de buracos e outros obstáculos, fazendo com que o trânsito não fluisse com normalidade. Em 2017, o Governo Central lançou o Programa de Requalificação das Infraestruturas do Lubango orçada em USD 212 milhões. Este projecto que está a ser executado em fases, prevê a reabilitação de estradas e a construção de outras, bem como todas as redes técnicas. Ontem, João Lourenço procedeu à inauguração da estrada que liga o Bairro da Mapunda, arredores da cidade do Lubango, numa extensão de mais de quatro metros e a nova estrada que liga a avenida do aeroporto internacional da Mukanka ao bairro do Mutundo. António João é moto-taxista e fala das vantagens das obras inauguradas. “Estamos muito felizes, é a segunda vez que o PR vem à nossa província e a primeira que vem inaugurar vários empreendimentos como é o caso das estradas, só resta circularmos nelas com cuidado para evitar acidentes”.