Duas crianças morrem por espancamento no Huambo

Duas crianças morrem por espancamento no Huambo

A informação foi prestada ontem, Sexta-feira, à Angop, pelo porta-voz da corporação nesta região, intendente Martinho Kavita Satito, realçando que as vítimas, ambas de três anos de idade, foram espancadas até à morte, a primeira no bairro da Bomba Alta, e a segunda em Capilongo, localizados nos arredores da cidade do Huambo. Acrescentou que as presumíveis autoras, de 20 e 23 anos de idade, respectivamente, encontram-se já detidas pelas autoridades policiais. Entretanto, o oficial superior da Polícia Nacional mostrou-se preocupado com o aumento de crimes do género na província do Huambo, por se tratar de casos que ocorrem dentro das famílias. Nos últimos dois meses, o Comando Provincial do Huambo da Polícia Nacional, em coordenação com o Serviço de Investigação Criminal, identificou seis crimes de homicídios voluntários e ofensas corporais praticados dentro das famílias, com realce para pais que assassinaram os próprios filhos e (vice-versa). O intendente Martinho Kavita Satito informou que ao longo desta semana foram igualmente detidos dois cidadãos de 20 e 23 anos, respectivamente, por terem violado, em plena via pública, uma adolescente de 14 anos, na aldeia de Tchissanje, comuna do Lunge, município do Bailundo.