Deputados meio-hakers

Há uma forma excelente de auto- flagelação: a negação das evidências. Pior ainda quando isto significa o desperdício de oportunidades de tirar partido. Falamos da Assembleia Nacional, está na hora de.passar a transmitir em directo os debates. É que o actual “black out” começa a virar-se perigosamente contra o MPLA, acusado de inviabilizar a transmissão para esconder alguma coisas, sabe-se lá o quê. Eu acho que não há nada a esconder e ao MPLA também não interessa esconder o que quer que seja. Só que está a ser lento neste aspecto. Explico-me: a Oposição está a contornar de forma magistral a situação. É assim, cada vez mais vão saindo videos, nas redes sociais, gravados por deputados da Oposição quando intercedem no Parlamento. Então, além de alcançarem uma audiência e um interesse maior do que uma transmissão televisiva (que jamais seria a campeã das audiências), estas gravações, com um quê de clandestinas, chegam com uma aura de Top Secreto. Passam o que podia ter sido editado e transmitem a ideia de uma pretensa inabilidade intelectual do MPLA e ainda a suspeição de este partido estar numa espécie de conspiração permanente contra o povo, como acontece com o vídeo do deputado David Mendes sobre o IVA. Agora, ou os deputados do MPLA entram no jogo de filmar individualmente as suas intervenções e divulgar, ou esvaziam a heroicidade dos vídeos da Oposição abrindo a transmissão televisiva.

error: Content is protected !!