PR exonera ministro do Interior

O Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço exonerou esta, Quarta-feira, Ângelo de Barros da Veiga Tavares, do cargo de ministro do Interior e nomeou para o seu lugar, Eugénio César Laborinho.

O ex-governador de Cabinda foi substituído por Marcos Alexandre Nhunga, até então ministro da Agricultura e Florestas.

Segundo uma nota da Casa Casa Civil do  Presidente da República,  Luís da Fonseca, foi exonerado  do cargo de ministro da Economia e Planeamento e nomeado em seu lugar, Manuel Neto da Costa, então secretário de Estado para o Planeamento.

Pedro Mutinde, deixa o cargo de governador da Província do Kuando Kubango para onde o Chefe de Estado nomeou, Júlio Marcelino Vieira Bessa.

Alcino dos Prazeres Isata Francisco da Conceição, foi exonerado do cargo de secretário para os Assuntos Económicos do Presidente da República  e António Francisco de Assis, passa a exercer o cargo de ministro da Agricultura e Florestas.

Lopes Paulo foi nomeado secretário para os Assuntos Económicos do Presidente da República e Samahina de Sousa da Silva Saúde para  secretário de Estado para o Planeamento e Jorge Francisco silveira, passa a desempenhar as funções de director-Adjunto do Cerimonial do Presidente da República.

 

 

error: Content is protected !!