Polícia pede envolvimento do cidadão no combate à criminalidade em Malanje

Por:Miguel José, em Malanje

A exortação vem do comandante da Polícia no Cuanza-Norte, Simão Inglês, falando no final da acção de formação, em Malanje, que contou com 4 centenas de efectivos da ordem pública. Simão Inglês, em representação do comandante-geral da Polícia Nacional, Paulo de Almeida, sublinhou a necessidade dos agentes redobrarem esforços no sentido de garantirem a ordem pública com rigor, bem como, o funcionamento normal das instituições democráticas.

O Curso Básico de Ordem Pública surge no âmbito da materialização da estratégia operacional da corporação policial, de modo a dotar o efectivo de técnicas capazes de neutralizar os criminosos nos seus mais variados níveis de actuaçao. “A protecção das instituições democráticas, segurança dos cidadãos e dos seus bens, contra a criminalidade e quaisquer outros tipos de ameaças à ordem e segurança pública deve ser uma garantia”, precisou. Os novos tempos e as tecnologias, acrescentou, devem ser acompanhados pela acção da Polícia, melhorando a sua actuação policial no cumprimento das missões a si confiadas.

O comandante acredita que com a adopção de um comportamento digno e responsável, assente no rigor, na perspicácia e na integridade, é possível reduzir os altos níveis de criminalidade que se registam. Deixou um apelo aos recém formados para que prestem um serviço de qualidade, proporcionando, deste modo, um clima de paz pública e de convivência social saudável.

leave a reply