CARTA dO LEITOR: Mais respeito pelos angolanos

Quadros do Ministério da Construção estiveram reunidos ontem para analisar o sector, assim como as empreitadas em curso e as que foram feitas ao longo dos anos. Trata-se de uma iniciativa que se deve louvar. Alguns dos quadros da casa, até então tidos como proscritos puderam dar também o contributo para a Angola que se pretende no futuro, apesar das diferenças políticas ou de opinião existentes.

À margem do encontro, uma das questões que chamou a atenção foi a informação avançada pelo ministro Manuel Tavares sobre o Plano Nacional de Salvação de Estradas, que prevê recuperar mais de 300 quilómetros de estradas em todo o país, numa empreitada em que serão necessários cerca de 200 milhões de dólares. Na verdade, já se sabe quais são as empresas que irão participar nas empreitadas, escolhidas a partir de um concurso público. Mas, algumas delas não são desconhecidas do grande público por já terem participado da construção de alguns troços no país que meses ou anos depois apresentaram um estado desolador. Espera-se que desta vez as estradas tenham qualidade e que não sejam as descartáveis a que nos habituamos durante muito tempo.

É importante que o Estado perceba que o dinheiro a ser gasto deverá ser justifi cado, cabendo aos fi scais alguma responsabilização caso no futuro estas mesmas estradas estejam distante daquelas que necessitamos. Durante muitos anos ouvimos governantes, sobretudo governadores provinciais e administradores municipais, a ameaçarem levar empreiteiros às barras dos tribunais por incumprimentos, mas tudo passa por promessas, mesmo sabendo a má qualidade das obras que são apresentadas.

O ministro já deu um sinal quando visitou parte do troço entre o Maria Teresa e o Dondo, tendo mandato o construtor a repeti-la. É importante que esta vigilância se mantenha. Os tempos são de vacas magras, com pessoas a morrerem de fome, não nos podemos dar ao luxo de mimar pessoas que se querem enriquecer com o sofrimento alheio.

Moisés Salvador Terra Nova, Luanda

error: Content is protected !!