Carta do leitor: Parabéns senhoras!

POR: Odílio Machado – Zamba 2

Ilustre director do O PAÍS, saudações e tudo de bom neste 06 de Agosto, data que entra para a história da II guerra Mundial. Mas, vou directamente ao assunto que me leva a escrever para o vosso espaço a carta do leitor. O andebol feminino angolano, em nome do 1º de Agosto, está de parabéns e em festa grande desde Domingo. A equipa angolana participou no Mundial de Clubes, em Wuxi, na China, e venceu o certame. É uma conquista que dá brilho a todos os angolanos sem ter em conta a cor, a raça ou a religião que se professa. Por isso, o ouro cabe à equipa militar, aliás trabalharam para o efeito dentro e fora do continente africano. Como resposta, antes disso, venceram o Campeonato Nacional e o africano de clubes, deixando pelo caminho o rival de longa data, o Petro de Luanda. Não sou do 1º de Agosto, mas como angolano saúdo a conquista. Agora, se, por acaso, não estavam lá equipas fortes e da Europa não quero saber. A história mostrou que muitas competições começaram com poucas equipas e esta não deixa de ser a mesma coisa. No dia em que a prova ganhar outro cariz, o 1º de Agosto vai continuar na história. Para mim, as bocas de aluguer que pretendem denegrir a conquista devem ser mais rasteiras, porque não têm noção da conquista. À direcção do 1º de Agosto estendo o meu abraço, porque, nos últimos anos, tem investido na formação. Basta ir ao Quartel general, em Luanda, para se ter noção do que tem sido feito. Abaixo os falsos treinadores de bancada e Ouro para as senhoras do andebol VIVAAAA!

error: Content is protected !!