Receitas da Ende aumentam 31% no 1º semestre

Quatrocentos e 56 milhões e 66 mil Kwanzas é o valor arrecadado, no primeiro semestre deste ano, pela Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE), em Malanje, com a cobrança de consumo de energia aos clientes.

Em relação ao período homólogo de 2018, houve um aumento de 31%, atendendo ao facto de que a empresa tinha arrecadado 345 milhões e 266 mil Kwanzas, segundo o director da ENDE em Malanje, Luzolo Nsakala, que falava ontem à Angop. De acordo com o responsável, a melhoria na cobrança, corte de energia aos clientes devedores, multas e o aumento do número de clientes estiveram na base do crescimento da arrecadação de receitas este ano.

O número de clientes passou de 29 mil e 292 em 2018, para 32 mil e 745 este ano, representando um aumento de 11,8 por cento, números que poderão aumentar, devido ao crescimento dos bairros e a solicitação de novos contratos. Luzolo Justino Nsakala apontou a existência de 23 zonas da cidade, por se electrificar este ano, prevendose beneficiar 13 mil famílias e permitir maior distribuição de energia e consequentemente aumento das receitas para a empresa.

error: Content is protected !!