Editorial: Dia do elefante

É sabido que o elefante tem uma excelente memória, mas e nós, comparado a ele? Efectivamente, não sabemos, ou não é divulgado o número de elefantes que vivem no nosso país. Em termos de protecção da vida animal, sabe-se, as prioridades estão viradas para a palanca negra gigante e para as tartarugas, o que é positivo, mas seria muito melhor se fosse alargado o número de espécies a merecer atenção especial, pela defesa da biodiversidade, do equilíbrio ecológico e também pelo seu potencial económico com a exploração do turismo. Mas não se deve esperar por turistas vindos de fora apenas, há que incentivar o turismo interno. quantos angolanos já viram um elefante ao vivo, seja numa reserva, num jardim zoológico ou num circo? Para se preservar é obrigatório ter conhecimento de causa.

error: Content is protected !!