Angola acolhe Bienal de Luanda – Fórum Pan-Africano para a Cultura de Paz

O evento a decorrer de 18 a 22 de Setembro do ano curso, contará com a participação de países africanos numa corrente destinada à promoção de uma Cultura de Paz, de Harmonia e de Irmandade entre os povos, através de actividades e manifestações culturais e cívicas

A cidade de Luanda (Membro Efectivo da UCCLA) acolherá, de 18 a 22 de Setembro próximo, a Bienal de Luanda – Fórum Pan-Africano para a Cultura de Paz. O objectivo é promover a prevenção da violência e a resolução de confl itos.

O evento contará com a participação de países africanos numa corrente destinada à promoção de uma Cultura de Paz, de Harmonia e de Irmandade entre os povos, através de actividades e manifestações culturais e cívicas, com a integração das elites africanas e representantes da sociedade civil, autoridades tradicionais e religiosas, assim como intelectuais, artistas e desportistas.

Esta edição da Bienal será baseada em seis eixos: Fórum dos Parceiros; Fórum de Ideias e Fórum da Juventude; Fórum das Mulheres; Festival de Culturas; Aliança de Culturas e Desporto a favor da paz; e a Aliança dos Parceiros para a Cultura de Paz em África. De acordo com a defi nição adotada pela Assembleia Geral das Na consiste em “valores, atitudes e comportamentos que refl ectem e inspiram interacção e a partilha social baseados nos princípios da liberdade, justiça e democracia, todos os direitos humanos, tolerância e solidariedade”. São valores que rejeitam a violência e se esforçam para prevenir confl itos, combatendo as suas causas profundas para resolver problemas por meio do diálogo e da negociação e garantam o pleno exercício de todos os direitos e os meios para participar plenamente no processo de desenvolvimento da sua sociedade.

Este acordo realça, em África, o conceito de cultura de paz enraizado nos valores, sistemas de crenças e formas de espiritualidade, conhecimentos e tecnologias locais, tradições e formas de expressão cultural e artística que contribuem para o respeito pelos direitos humanos, a diversidade cultural, solidariedade e a rejeição da violência para construir sociedades democráticas. Para esta primeira edição do Fórum Pan-Africano para a Cultura de Paz – Bienal de Luanda, a decorrer na capital angolana e em Benguela, perspectiva-se a presença do Presidente do Egipto (Presidente da UA), do Mali (Campeão da UA para a Cultura), do Congo (Presidente da Conferência Internacional dos Grandes Lagos), da Namíbia (Presidente da SADC) e da Etiópia (única mulher presidente em África). Na qualidade de convidados especiais estarão os Chefes de Estado da RDC, Cabo Verde (Presidente exercício da CPLP), Ellen Johson (Presidente do Júri do Prémio Felix Houphoet-Boigny), Director-Geral da UNESCO, Presidente da Comissão da UA, comissários desta e o Nobel da Paz Dennis Mukwege.

error: Content is protected !!