Os famosos da justiça

É assim em todo o mundo, será assim em Angola. Aliás, temno sido também em Angola de tempos em tempos. Há juízes e advogados que se tornam famosos ou porque aplicaram a lei convenientemente, nos casos dos juízes, ou porque vergaram a acusação, no caso dos advogados. Os procuradores também entram neste campo. Consoante o desempenho destes actores, que também pode ser negativo, o povo ou ganha, ou perde a fé na justiça. Alguns juízes, procuradores, e mesmo advogados podem até ganhar a “cara do diabo” se o povo e a história avaliarem negativamente o seu trabalho. Estamos nestes dias, com uma catadupa de processos judiciais mediáticos que tanto podem fazer estrelas e resultar em casos de estudo sobre o que deve ser feito, como podem resultar em gente “sarnenta”, para estudo também, mas sobre o que deve ser evitado. Seja como for, a ciência jurídica sai sempre a ganhar, pelas lições. O país é que pode perder, irremediavelmente, se as decisões forem erradas, por vício, por encomenda, por medo, por seguidismo político, ou mesmo por incompetência. É bom que estes agentes tenham em conta o seu brio, o seu bom nome e a imagem das suas famílias. Tirando a questão da competência e inteligência (isso só Deus resolve), têm a oportunidade de optar, para o bem, ou par

error: Content is protected !!