Manuel Fernandes concorre à sua sucessão no congresso do PALMA

Para além de eleger o novo líder, o conclave vai ainda escolher os membros do comité central do partido de Aliança livre de Maioria Angolana (pAlMA), um dos partidos coligado à CASA-CE

O presidente do Partido de Aliança Livre de Maioria Angolana (PALMA), um dos membros coligados a CASA-CE, Manuel Fernandes, vai concorrer à sua sucessão no IIIº congresso ordinário da formação polítoca que acontece amanhã, em Luanda.

Para além de eleger o novo líder do partido, o conclave vai ainda escolher os membros do comité central, deu a conhecer a OPAÍS o porta-voz do congresso, Agostinho Silva. Manuel Fernandes, que é também deputado a Assembleia Nacional, vai concorrer à sua sucessão com Francisco Cabingano, o actual secretário nacional para infra-estruturas do referido partido. De acordo com Agostinho Silva, o conclave vai albergar 400 delegados provenientes de todo o país e decorrerá sob o lema “Vencer barreiras para realizar Angola e os angolanos”.

Relativamente à vida interna do partido, o político considerou haver um ambiente saudável, tendo destacado o facto de existir total abertura para que os militantes possam se candidatar para qualquer cargo. Tal como assegurou, haverá mudanças na composição da nova direcção que passará a ser constituída por um presidente, um vice-presidente e um secretário-geral.

“O tempo de permanência do presidente na liderança do partido não é preocupante porque com o ingresso na coligação CASACE, desde 2012, trabalhamos inteiramente para a coligação até à saída de Abel Chivukuvuku quando todos os partidos fi caram inactivos”, disse o responsável. O partido PALMA foi fundado ao 29 de Outubro de 1993, liderado por Manuel Fernandes desde 1994. Em 2012 aliou-se a coligação CASA-CE.

error: Content is protected !!