Dia do herói nacional marcado pelo içar da bandeira

Ambas actividades foram presididas pelo governador da província de Luanda, Sérgio Luther Rescova Joaquim.

Juntou-se também a celebração, a ministra da educação, Cândida Teixeira, que depositou no Monumento do Soldado Desconhecido uma coroa de flores.

Em declarações à imprensa, o governador de Luanda, Sérgio Luther Rescova Joaquim, apelou a preservação do legado do Fundador da Nação por todos os angolanos, para o contínuo trabalho de desenvolvimento do país.

Por sua vez, a ministra da educação, Cândida Teixeira, recordou que está em curso a reformulação de manuais escolares, com a intenção de introduzir nos mesmos, até 2022, conteúdos que têm a ver com os locais históricos do país e das personalidades históricas, para conhecimento das novas gerações.

O primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto, nasceu a 17 de Setembro de 1922, na Aldeia de Caxicane e faleceu no dia 10 de Setembro, em 1979, por doença, na antiga União das Repúblicas Socialistas Soviética (URSS), actualmente Rússia.

A bandeira que pesa 40 quilos, tem 18 metros de comprimento e 12 de largura, é içada num mastro de 75 metros de altura, suporta ventos até 200 quilómetros e pode ser vista a partir de todos os pontos da baixa de Luanda.

A Bandeira Monumento foi hasteada pela primeira vez no Museu Nacional de História Militar, antiga Fortaleza de São Miguel, num acto presidido pelo Ex-Presidente da República, José Eduardo dos Santos, no dia  4 de Abril de 2013.

É  hasteada a 4 de Janeiro (Dia dos Mártires da Repressão Colonial Baixa de Kassanje), 4 de Fevereiro (Início da Luta Armada de Libertação Nacional), 8 de Março (Dia Internacional da Mulher), 4 de Abril (Dia da Paz e da Reconciliação Nacional), 1 de Maio (Dia Internacional dos Trabalhadores) e a 25 de Maio (Dia de África).

Hasteada igualmente para manutenção, no primeiro domingo do mês de Julho e no primeiro domingo do mês de Agosto, a 17 de Setembro (Dia do Fundador da Nação e do Herói Nacional), no primeiro domingo do mês de Outubro, a 11 de Novembro (Dia da Independência Nacional) e a 25 de Dezembro (Dia de Natal e da Família).

error: Content is protected !!