1º de Agosto qualifica-se para a Liga dos Campeões

O clube das Forças Armadas Angolanas perdeu ontem em Luanda com o Green Eagles da Zâmbia, mas conseguiu a qualificação por ter vencido em Luzaka por duas bolas a uma na primeira mão

O 1º de Agosto, clube angolano, apurouse ontem para a fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos 2019/2020. No Estádio 11 de Novembro, em Luanda, a formação fundada em 1979, perdeu por uma bola a zero, mas eliminou o Green Eagles da Zâmbia. Na primeira mão, na cidade de Lusaka, os militares orientados por Dragan Jovic, venceram o adversário por duas bolas a uma. Por isso, a vitória dos zambianos foi insuficiente para anular o triunfo do tetra campeão nacional.

Em campo, os militares tiveram um desempenho acima da média, mas falhavam somente na finalização. Antes do árbitro mandar todo o mundo para os balneários, os pupilos de Dragan Jovic viram anulado um golo. As razões, pelo que as imagens televisivas mpotraravam, deixava alguma dúvida aos adeptos do clube militar nas bancadas do 11 de Novembro. No reatamento da partida, a for-mação de Luanda entrou mais ousada e com as linhas ofensivas devidamente coordenadas. O avançado Ary Papel, com pouca pontaria, passava pelos adversários com alguma facilidade. Com vários dribles, o atleta preocupava os zambianos, mas não conseguia marcar nem dar a marcar.

Depois do jogo, o técnico do 1º de Agosto, Dragan Jovic, reconheceu a derrota, mas elogiou os seus atletas pela passagem. “Vamos continuar a trabalhar para os próximos compromissos”, adiantou o treinador dos militares. Dragan Jovic foi peremptório em afirmar que agora estarão mais focados nos Girabola, uma vez que a qualificação para a Liga dos Clubes Campeões Africanos é um facto.

error: Content is protected !!