“É possível Angola organizar o Mundial”

“É possível organizar o mundial”
A ministra da Juventude e Desportos, Ana Paula Sacramento Neto, disse ser possível Angola organizar uma fase final do Campeonato do Mundo de futebol para amputados, porque o país tem infra-estrutura adequada para o efeito.
Ana Paula Sacramento Neto explicou que a iniciativa não depende do Ministério da Juventude e Desportos (Minjud), ou seja, do Governo.
“Cabe ao Comité Paralímpico Angolano (CPA) liderado por Leonel da Rocha Pinto apresentar uma proposta e nós, Minjud, analisarmos”, assegurou Ana Paula Sacramento Neto.
 A ex-jogadora de andebol do Petro de Luanda e da Seleção Nacional sénior feminina, Ana Paula Sacramento Neto, é a primeira mulher a dirigir o Ministério da Juventude e Desportos.
A dirigente é formada em físico-química pela Universidade António Agostinho Neto e tem no seu currículo desportivo a conquista do primeiro Campeonato Africano de andebol por Angola, em 1989. Também chegou a praticar basquetebol e voleibol.
error: Content is protected !!