Caminho de Ferro de Luanda com bilhetes electrónicos

O Caminhos-de-Ferro de Luanda (CFL) passará a comercializar, a partir de hoje, bilhetes electrónicos nas estações do Bungo e dos Musseques para melhor controlo de receita da empresa.

A informação foi avançada ao Novo Jornal pelo director do Gabinete de Comunicação Institucional Imprensa do CFL, Augusto Osório, que explicou que todos os passageiros que adquirirem bilhetes de passagem nas estações do Bungo e dos Musseques vão ter bilhetes electrónicos. Segundo, Augusto Osório, essa medida visa reduzir os custos de produção dos bilhetes e trazer maior controlo de receita ao Caminho-de-Ferro de Luanda.

“Os bilhetes electrónicos facilitam também as operações de segurança ferroviária e permitem uma maior rapidez no fluxo de passageiros, principalmente nas horas de ponta”, referiu. O porta-voz dos CFL disse ainda que esse sistema vai permitir que, no futuro, seja possível comercializar bilhetes via online. Quanto aos bilhetes manuais, Augusto Osório assegurou que os mesmos vão continuar a valer, mas apenas para quem os adquirir fora das estações do Bungo e dos Musseques, ou seja, os da estação da Textang, Filda, Viana, Catete, Ndondo, N”Dalatando e Malanje.

De acordo com o director do Gabinete de Comunicação Institucional Imprensa do CFL, esse processo vai ser implementado de forma gradual, em Luanda, até ao mês de Dezembro deste ano, e nas províncias do Cuanza-Norte e Malanje no próximo ano. Actualmente, os bilhetes de passagem no traçado entre as estações do Bungo/Catete e vice- versa custam 30 kwanzas, enquanto de Luanda- N”Dalatando custa 1.500 kz, já para Malanje o preço é de 3.000 kwanzas.

error: Content is protected !!