História do pão

O primeiro registo do pão fermentado data de, aproximadamente, 4 mil anos a.C., quando os egípcios realizaram a fermentação de uma massa de trigo. O pão era o alimento do povo. Os egípcios amassavam o pão com os pés, utilizando espécies de trigo de qualidade inferior. O trigo de qualidade superior estava reservado para os ricos. Foram os romanos que espalharam o consumo do pão pela Europa. Era costume fazer-se uma cruz na massa do pão e rezar para que ele crescesse bastante, o que originou um corte que ainda se vê nos pães de hoje. Até à Idade Média o número de pães era uma medida de pagamento. Para os cristãos o pão é um alimento sagrado: um símbolo do corpo de Deus, da vida e de partilha.

error: Content is protected !!