“O Governo está atento… ao fenómeno desportivo ou às vitórias?”

Depois de o Presidente da República, João Lourenço, ter destacado, ontem, a conquista do Campeonato Africano em andebol sénior feminino pelo 1º de Agosto e o africano das Nações em andebol masculino e feminino, bem como o título africano e mundial da Selecção de futebol adaptado, na abertura da 3ª Sessão Legislativa da IV Legislatura da Assembleia Nacional. A esse respeito, o jornal O PAÍS ouviu a reacção de dois agentes desportivos. O comentador Paulo Tomás disse que o PR demostrou que está por dentro dos acontecimentos desportivos no país. Ainda assim, Tomás questionou a atenção do Executivo: está atento ao fenómeno desportivo ou às vitórias?

O antigo futebolista defende o aludido questionamento, porque muitas vezes o desporto é colocado em segundo plano, ou seja, os apoios não aparecem quando é para disputar uma competição ou realizar uma prova local. “Será que as federações apresentam os projectos tarde? Claro que a situação é complicada, porque a prioridade é a Saúde e a Educação, mas o Governo deve fazer mais um esforço pelo desporto”, aconselhou o comentador. Por sua vez, o secretário- geral do Comité Paralímpico Angolano (CPA), António da Luz, disse que já era de se esperar por tudo o que a Selecção Nacional de futebol adaptado tem feito nos últimos dois anos. António da Luz mostrou-se satisfeito pelo reconhecimento, mas esperava que o Chefe de Estado destacasse também a equipa nacional de atletismo que brilhou em Julho, na Tunísia.

error: Content is protected !!