Agente da Polícia morto por agressão na Lunda-Norte

Um efectivo da Policia Nacional, afecto ao comando municipal do Lubalo, Lunda Norte, foi agredido mortalmente (quinta-feira) por familiares, após ser acusado de feiticeiro.

De acordo uma nota do comando provincial da Policia Nacional, enviada neste sábado à Angop, a vitima, de 60 anos de idade, foi morto depois de ter sido acusado como causador da morte um membro da família.

Os quatro supostos autores do crime já se encontram as contas com a justiça.

O documente refere que, no mesmo período, foram registadas duas mortes em consequência de oito acidentes de viação nesta província..

error: Content is protected !!