Carta do leitor:Polícia em prontidão no combate à criminalidade

Por:Luís Miguel, Bairro Mama Gorda,em Viana

Saudações, Senhor Director do Jornal OPAÍS escrevemos a partir de Viana para manifestar a nossa satisfação, como munícipes e contribuintes, pelo trabalho que está a ser devolvido pela Polícia Nacional com vista à estancar a criminalidade em Luanda, e, em particular, no bairro Mama Gorda. Até algum tempo atrás sentíamos como se tivéssemos sido esquecidos pelos nossos governantes e pela direcção do Comando Provincial de Luanda da Polícia Nacional. Porém, a situação mudou e para melhor. Os nossos vizinhos, na maioria menores de idade, deixaram, ainda que temporariamente, de ditar as regras de convivência no bairro. Isto é, deixaram de impor uma espécie de recolher obrigatório e de representar um perigo aos cidadãos que se vêm diariamente obrigados a saírem de casa as primeiras horas da manhã para cumprirem com um dever patriótico: trabalhar para ajudar a construir um país melhor. Antigamente eramos assaltados e agredidos fisicamente, logo pela manhã, se mostrássemos resistência durante um assalto. Felizmente, fruto das operações que estão a ser levadas a cabo pela Polícia Nacional, está a ser reposta a ordem e a tranquilidade, com a realização de operações de patrulhamentos aparentemente combinados. Assim aparentam porque muitos dos marginais que cometiam delitos no Cazenga deixaram de ter o nosso bairro como esconderijo e o mesmo julgo estar a acontecer com os nossos adolescentes que pratica acções semelhantes. Agora só falta mesmo é os serviços sociais funcionarem devidamente, criando programas para mantê-los ocupados com actividades úteis e que engrandecem o país. Por se tratar de uma boa notícia, escrevo na esperança de que a minha carta seja publicada no jornal que vossa excelência sabiamente dirige.

error: Content is protected !!