Militares e proletários reeditam trumunu

Em caso de vitória hoje, às 17:30, frente ao 1º de Maio de Benguela, o 1º de Agosto reforça a liderança do Girabola Zap, Campeonato Nacional. Amanhã, o Petro de Luanda recebe o Bravos do Maquis no Estádio 11 de Novembro

por:Kiameso Pedro

O 1º de Agosto defronta hoje o 1º de Maio de Benguela, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, na reedição do velho dérbi, no prosseguimento da sequência da nona jornada do Campeonato Nacional, às 17:30. No historial de confrontos entre ambas as formações, o 1º de Agosto leva vantagem, uma vez que soma 17 vitórias contra 6 do 1º de Maio de Benguela.

Nesta partida, os rubro-negros são os favoritos, mas terão que estar na máxima força, uma vez que os proletários vão lutar pela conquista da vitória, de modo a saírem da zona de despromoção, ou seja, do 15º lugar, onde se encontram com apenas três pontos. Os militares vêm de uma vitória fora de portas diante do Bravos do Maquis por três bolas a uma. Por seu lado, os comandados de Paulino Júnior empataram a zero diante do Desportivo da Huíla. O 1º de Agosto lídera a prova com 24 pontos e, se vencer, alarga para sete pontos a vantagem sobre o Petro de Luanda (2º/20 pontos), que só entrará em acção amanhã quando medir forças com o Bravos do Maquis.

Libolo quer regressar às vitórias

O Recreativo do Libolo bate-se com o Interclube, no Estádio de Calulo, às 15:00, cujo favoritismo é atribuído aos libolenses, uma vez que jogarão diante dos seus adeptos. Ainda assim, o clube do Rocha Pinto pretende contrariar o adversário, porque vitória é a palavra de ordem dentro do balneário. Noutros desafios, a Académica do Lobito defronta o Cuando Cubango FC, ao passo que o Sagrada Esperança enfrenta o Desportivo da Huíla, às 15:00. Por sua vez, o Williete de Benguela mede forças com o Santa Rita de Cássia do Uíge, à mesma hora.

error: Content is protected !!